quinta-feira, 12 de abril de 2012

Mesquita de Córdoba

Olá, queridos!

          Muitas cidades sáo identificadas pelos seus monumentos. Afinal, o que seria do Rio sem o Cristo, Paris sem a torre e Nova York sem a estátua da Liberdade? Teriam estas cidades a mesma fama? Deixo esse tema para uma  conversa de botequim. Córdoba também tem um sinônimo: a mesquita-catedral. Linda, maravilhosa e esplendorosa vou contar hoje a parte "mesquita" para amanhã mostrar-lhes o lado "catedral".

         








A mesquita começou a ser contruída em 786, logo após a conquista do lugar pelos muçulmanos. O edifício foi constantemente ampliado e embelezado pelos emires. O resultado é uma profusáo de estilos onde se pode fazer diferentes leituras das épocas de glória do califado. Desde o pátio das Laranjas, com suas fontes para as abluçoes, até os diferentes arcos, no interior, nada nos deixa indiferentes.





Recomendo fazer a visita durante a manhá e para evitar os numerosos (e barulhentos) grupos de turistas. Também, a medida que o visitante percorre a mesquita, é possível contemplar a luz do sol entrando suavemente e derramando sua claridade pelos pátios destinados à oraçáo. O fenômeno produz uma sensaçao de paz indescritível !!
Postar um comentário