segunda-feira, 14 de abril de 2014

Monumento a Campoamor

Olá, queridos!

       
Domingão de sol, hora de espantar a preguiça e se aventurar por outros caminhos no parque do Retiro. Descobrimos muita coisa. Primeiro, um autêntico madronho. A árvore-símbolo de Madri está muito bem representada no parque. eu que não havia reparado ainda. Antes tarde do que nunca e só faltou o urso para fazer a composição.






Mais à frente, o belo grupo escultórico em homenagem ao poeta de Astúrias Ramón de Campoamor, realizada pelo artista Lorenzo Coullat-Valera e inaugurada em 1914. Sentado, Campoamor está acompanhado de três figuras femininas que representam as distintas fases da vida. Rodeando o poeta estão imagens que simbolizam alguns dos seus poemas como "Quien supiera escribir" que narra as desventuras de uma jovem analfabeta que recorre ao padre e ao reitor para se comunicar com seus queridos.

www.rumoamadrid.com.br
Postar um comentário