domingo, 25 de maio de 2014

Votei

Olá, queridos!

     
Estou me sentindo toda-toda: votei paras minhas primeiras eleições europeias!

        Como havia explicado antes, o eleitor que está cadastrado para votar recebe uma carta com propagandas dos partidos, um envelope e a lista dos candidatos. Fiquei intrigada com o tal do envelope...Mas como esta semana todos os meus alunos só tinham um assunto - a final da Champions - acabei não perguntando para que servia o bendito.

         Cheguei lá no colégio pensando que haveria milhares de bandeiras, cabos eleitorais e um monte de papel nas ruas. Que nada! Só tinha um policial que estava mais interessado em comentar os gols com os colegas via facebook que em controlar quem chegava e quem saía. Logo na entrada milhares de listas de candidatos e envelopes. Fiquei observando algumas pessoas para saber como fazia. Bastava você escolher uma lista e colocá-la dentro do envelope! Ah! Saquei!

        Fiz o mesmo e entrei para a sala onde estavam toda as zonas eleitorais. Uma senhora se apiedou de mim e indicou a minha. Fui lá toda contente, apresentei meu cartão de eleitoral e meu passaporte português (para não ter problema, caso eles implicassem com minha identidade portuguesa). Cinco pessoas estavam sentadas à mesa distribuídas no papel clássico de verificar a identidade. Já fui escolhida para trabalhar em eleições sei como funciona. No centro, a urna trasparente e a abertura protegida por um papel dobrado. Conferiram o meu nome e o mesário não resistiu:

            - Portuguesa?
            - Sim...Quer dizer, sou mais brasileira, mas tenho a cidadania.
            - De Lisboa? Futebol?

            E agora? Grito um "Ala, Madrid" ? E se o cara for do Atlético? Dei uma risadinha e ele simplesmente disse:

              - Pode votar.

               Assim? No seco ? Na frente de todo mundo ? Quando eu votei da primeira vez, as urnas já eram eletrônicas. Nunca tive a emoção de marcar quadradinho, escrever o nome ou o número e colocar o voto na urna. Enfiei lá o envelope e dei um "muchas gracias" tão feliz que todos sorriram de volta.

                Missão cumprida. Votei. Vamos ver quem leva!
Postar um comentário