sexta-feira, 4 de julho de 2014

Guerreiros de Xi'An

Olá, queridos!
Deixo aqui a crônica da minha visita à fabulosa exposição dos Guerreiros de Xi'An escrita em 24/11/2013 no site Rumo a Madrid:
Em cartaz na sala de exposições do Teatro Fernan Gomez- Centro Cultural de la Villa, embaixo da Plaza Colón, a mostra "Guerreiros de Xi'An". Trata-se dos famosos soldados de terracota que foram feitos para servir de exército na vida além tumba do imperador Qin Shihuang. Como tudo que vem da China impressiona pela quantidade, beleza ou monumentalidade, os guerreiros não deixam ninguém indiferente.
A montagem das peças ajuda aumentar o mistério. As salas estão escurecidas e suavemente iluminadas e cores douradas e vermelho (cores da China imperial). Primeiro temos os objetos de ferro de uso cotidiano que foram encontrados nas escavações. Em seguida, um documentário explicativo sobre como foram achadas e estudadas essas figuras.
A sala seguinte mostra os diferentes tipos de guerreiros como oficiais, suboficiais, soldados de infantaria e cavalaria, arqueiros (foto ao lado) e finalmente, os servos. Todos colocados em urnas de vidro com uma iluminação especial, legenda explicativa para que o visitante possa visualizá-los ao detalhe. Porém é inútil tentar descubrir diferenças. Das oito mil figuras retiradas das tumbas não se encontrou duas iguais.
O ponto alto é entrar na sala onde está reproduzido o fosso onde se localiza o túmulo. Perfilados em ordem de batalha e comandados desde uma quadriga por um general, os soldados parecem aguardar ordens dos seus superiores. Com um jogo de luz, trilha sonora e narração em off, o cenário se torna ainda mais real e a explicação, inesquecível.
O último trecho é dedicado às crianças que podem escavar vestígios arqueológicos e fazer seus próprios soldados. Mas também estão ali os cavalos, armas, animais da mitologia chinesa como o dragão.Valeu a pena visitar a China sem sair de Madri.
Postar um comentário