quinta-feira, 17 de julho de 2014

Ruperto Chapí - músico

Olá, queridos!

 
Depois de mostrar um pouco as esculturas do parque do Oeste, volta ao meu quintal, ou seja, ao parque do Retiro. Desta vez conto um pouco sobre o monumento a Ruperto Chapí, de autoria de Julio Antonio e inagurado em 1921, pela Sociedade de Autores Espanhóis. Ruperto Chapí nasceu em Alicante, em 1851 e desde cedo mostrou apitdão para música. O pai era maestro dao banda da cidade e mandou o filho estudar em Madri para aperfeiçoar seus conhecimentos.





O menino fez bonito: compôs zarzuelas, óperas e assim conseguiu uma bolsa para estudar em Roma. Além disso, fundou a Sociedade de Autores Espanhóis para assegurar o direito do compositor sobre a obra. Pesquisando, descobri que aqui funcionava como as vendas de samba nos anos 30: um cara talentoso vendia sua música e os produtores ficavam com todos os direitos sobre ela e o infeliz não recebia mais nenhum centavo sobre a gravação. Triste. A partir da fundação da sociedade, a situação mudou e hoje ela existe com o nome de SGAE - Sociedad General de Autores y Editores.

Deixo com vocês um link para o prelúdio da ópera "La Revoltosa"
Postar um comentário