domingo, 13 de outubro de 2013

Torres de Colón

Olá, queridos!

       
  Como boa historiadora tenho tendência de olhar mais para o antigo que o novo. Fazer o que...Prometo corrigir essa falha mostrando para vocês alguns edfícios "mudernosos" de Madri. O resultado nem sempre agrada, mas já diria o ditado, é pra frente que se anda.

          Começo pelas "Torres de Colón", localizados em frente à praça de mesmo nome e os Jardins do Descobrimento. A construção começou em 1967 e só terminaria nove anos depois. Tem 116 metros, 23 andares e uma cobertura suspensa verde que os madrilenhos apelidaram de "tomada". Foram as primeiras a ser construídas como torres gêmas na capital o que causou desconforto na época.




 O problema das capitais europeias e demais cidades com muita história é conciliar o novo e antigo. A torre em si, não me parece feia, porém o local onde foi erguido, uma típica avenida do final século 19, ao lado de prédios desta mesma época, causa um contraste chocante. Aliás, em algumas listas de prédios mais feios da capital, a torre é sempre lembrada. Acho uma injustiça porque há coisas muito piores por aí. E vocês?
Postar um comentário